Domingo, 18 de Novembro de 2007

Sem palavras

 

Sleep, we sleep
For we may dream
While we may
Dream we dream
For we may wake
One more day, one more day

Glory looking day
Glory day, Glory looking day
And all it's glory
Told a simple way
Behold it if you may
Glory looking day
Glory looking day
On lonely looking sky


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Desabafos de alemvirtual às 08:16
link do post | Deixe o seu comentário | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 14 de Novembro de 2007

She

Tem uma estória esta canção. Por agora, fica apenas aqui, relembrada...O que ela recorda permanece do outro lado, na outra alma, ou seja comigo.

img233/9937/naruaqdandavamostrarportt3.jpg

http://www.youtube.com/watch?v=UJsVxHocHbs

She
May be the face I can’t forget
The trace of pleasure or regret
May be my treasure or the price I have to pay
She
May be the song that summer sings
May be the chill that autumn brings
May be a hundred different things
Within the measure of a day

She
May be the beauty or the beast
May be the famine or the feast
May turn each day into a heaven or a hell
She may be the mirror of my dreams
The smile reflected in a stream
She may not be what she may seem
Inside her shell

She
Who always seems so happy in a crowd
Whose eyes can be so private and so proud
No one’s allowed to see them when they cry
She
May be the love that cannot hope to last
May come to me from shadows of the past
That I’ll remember till the day I die

She
May be the reason I survive
The why and wherefore I’m alive
The one I’ll care for through the rough in ready years
Me
I’ll take her laughter and her tears
And make them all my souvenirs
For where she goes I’ve got to be
The meaning of my life is

She
She, oh she


Desabafos de alemvirtual às 07:45
link do post | Deixe o seu comentário | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 9 de Novembro de 2007

9 de Novembro de 2004

http://www.youtube.com/watch?v=X0kuag7BuGs&eurl=http://www.mariedenazareth.com/9285.0.html?&L=12

 

Cada vez mais, a vida é feita de recordações. Recorda-se cada minuto, cada palavra, cada sorriso, cada lágrima. Muitas vezes, surgem - vindas não se sabe de onde - talvez do mais recôndito do nosso álbum de memórias, fragmentos dispersos, momentos pensávamos perdidos, tesouros tão pouco valorizados quando a mortalidade se julgava de mãos dadas com as faces sulcadas pelos vincos dos anos.

Bem cedo (a morte é sempre cedo de mais), percebemos a insignificância do nosso tempo...

 

Nem sempre me revolto...

Prefiro pensar que existem desígnios divinos insondáveis, incompreensíveis e inacessíveis à fragilidade minha condição humana.

A um mesquinho e imperfeito ser foi enviado um anjinho de uma grandiosidade tal que, como tudo quanto é transcendente, não pode ser reduzido a palavras.

 

Há 3 anos atrás, íamos a caminho do IPO de Lisboa para aquela que seria a tua terceira cirurgia.

 

Lembrei-me de ir buscar ao álbum que os teus amigos Diana, Sofia (a irmã da Diana) e o Tiago compilaram e te ofereceram no dia 30 de Agosto de 2004 (dia do teu aniversário). Retirei a foto que coloco abaixo. Nela vê-se aquilo que seria o teu algoz, o teu carrasco (ou terei sido eu que não agi rapidamente? cada vez me convenço mais disso). Além dos piercings (de que na altura gostavas e suscitavam sempre a minha reprovação) vê-se o sinal redondo, perfeito na tua face, escuro como os teus olhos.

Com a tua amiga Diana, há pouco mais de  três anos atrás, parecias feliz...

img390/4208/margotcomdianafj0.jpg

img57/7798/dscn0642il4.jpg

 

Alegrete, terra da tua eleição. Uma porta para o sol, para a imensidão, surge repentinamente na muralha imponente, cerrada...Afinal, deve haver sempre uma porta para a LUZ


Desabafos de alemvirtual às 08:34
link do post | Deixe o seu comentário | favorito

Pedaços de mim


Sou...

Outras almas amigas

. 10 seguidores

pesquisar

 

Março 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Desabafos...

Um palmo e meio de sonhos...

A minh´alma não é mais qu...

Zita

Silêncio da noite

Uma gaiola como tantas ou...

As minhas preocupações pa...

Missa em memória da Marga...

Memórias - Margot

Mais perto do céu

Mensagem para uma noiva

Outras páginas de vida...

Março 2020

Janeiro 2014

Março 2012

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Visitantes

online

Minhas Visitas

Outros olhares-Outro mundo

SAPO Blogs

subscrever feeds